Blog Clave de Sol - ano IV


20 setembro, 2006

20 de Setembro - Dia do Gaúcho

O bom e velho companheiro Chimarrão...

Homenagem a um dos símbolos mais importante do gaúcho que é o bom e velho companheiro Chimarrão.
A bebida mais popular do gaúcho... também conhecido como Mate, é o parceiro para todas as horas, seja em uma roda de amigos ou solitário, verão ou inverno, ele é sempre bem vindo.
As rodas de chimarrão fazem com que aproximem as pessoas para o bom papo, renova e cria novas amizades.

Os 10 Mandamentos Do Chimarrão


1-Não Peças Açúcar No Mate
2-Não Digas Que O Chimarrão É Anti-Higiênico
3-Não Digas Que O Mate Está Quente Demais
4-Não Deixes Um Mate Pela Metade
5-Não Te Envergonhes Do "Ronco" No Fim Do Mate
6-Não Mexas Na Bomba
7-Não Alteres A Ordem Em Que O Mate É Servido
8-Não Condenes O Dono Da Casa Por Tomar O Primeiro Mate
9-Não Durmas Com A Cuia Na Mão
10-Não Digas Que O Chimarrão Dá Câncer Na Garganta

E aqui vai uma bela música, que tanto o gaúcho gosta, para junto acolher a nossa roda de chimarrão.

“Eu vou cevar um mate gordo de esperança

Com a erva verde do verde do teu olhar
Tomar um trago bem graúdo
E preparar tudo
Para te esperar

E o meu rancho que era escuro de saudade
Eu vou fazer uma pintura de alegria
Para te impressionar e te agradar
Se tu voltar guri

Eu fiz promessa pro negrinho
Eu fiz promessa pro negro do pastoreio
Levei fumo em rama e um gole de canha
Como oferenda
Só pra ele me ajudar
Só pra ele me ajudar a encontrar um meio
E um laço forte pra que eu te prenda...

Oh!oh!oh!
E então sem mágoa
Posso até sentir o que virá depois
Oh!oh!oh!
Vou esquentar a água e feliz servir
Um mate pra nós dois.”

(Mate de esperança - Délcio Tavares)

Marcadores: , ,

3 Comments:

  • Feliz Dia da Gaúcha! Até sonhei com uma... rs

    By Anonymous Wallace, at 20/9/06 4:21 PM  

  • Que Barbaridade !!!

    Entre uma roda de amigos, nada se compara ao prazer do acolher a cuia entre os dedos e o passar de mão em mão do chimarrão, semeando carinho e laços ternos e eternos de amizade.

    Entre olhares que não se separam, num infinito constante de amor, se confunde o gosto doce do mate amargo com o sabor dos labios de quem se ama.

    Este é o nosso chimarrão, companheiro indispensável de uma boa conversa, no acolher de amigos, ou simplesmente fazendo costado à quem se ama.

    Parabéns Gauchos !!

    By Blogger PonchoVelho, at 20/9/06 5:49 PM  

  • É....muito bonita a letra da música sobre o nosso bom chimarrão!!
    Gostei foi da promessa pro negrinho do pastoreio... mas cuidado... pede pro negrinho do pastoreio prá não enforcar o vivente, tadinho!!!! hehehe
    beijos, Bia.

    By Anonymous Bia, at 20/9/06 10:06 PM  

Postar um comentário

<< Home